Entrega até o Natal em todo o Brasil (Previsão à confirmar no carrinho, considerar prazo pós aprovação do pagamento).

Compre com 15% off usando qualquer método de pagamento à vista ou em até 10x sem juros no cartão de crédito (Exceto perfumaria).

X

Seu carrinho está vazio!

MUSAS MONTBLANC – ELIZABETH TAYLOR

Homenagem a um dos maiores ícones do cinema e da luta contra HIV/AIDS

Em nossa coleção especial “Musas Montblanc”, homenageamos uma grande personalidade da
história, mulheres ícones em seu tempo, com profundo envolvimento nas artes e que inspiraram
beleza e elegância. A homenageada desta vez é a atriz Elizabeth Taylor, estrela do filme
Cleópatra de 1963 e de outros sucessos.

Elizabeth Taylor começou cedo sua carreira, descoberta ainda criança no teatro, logo ganhou
as telas americanas, se tornando um dos maiores nomes de Hollywood. Reconhecida pelo
público por seu talento e beleza, em meados dos anos 80 se tornou também uma das principais
figuras na luta contra HIV/AIDS e fez disso seu maior legado.

Os instrumentos de escrita Musas Montblanc – Elizabeth Taylor trazem referências à
homenageada e à arte dos anos 50/60, época de seu auge no cinema.

O corpo e a tampa são feitos em laca violeta e azul marmorizado, menção à cor dos olhos de
Elizabeth Taylor, também sua cor favorita.

O cone dos instrumentos de escrita segue um padrão geométrico típico da década de
1950. O clipe, inspirado no amor que ela teve pelas joias, tem formato de um bracelete. Os
anéis da tampa, marca registrada da Montblanc, contém o nome da marca gravado. Todas
estas partes são revestidas em platina.

Na caneta tinteiro da edição, a pena é feita à mão, em ouro maciço Au585 e revestida em
ródio, contém as palavras “Live Long Love”, ditas em sua frase final no discurso durante a 11ª
premiação Vanguard Award da GLAAD (Gay & Lesbian Alliance Against Defamation).
Considerada uma grande aliada da comunidade LGBTQIA+, Elizabeth Taylor recebeu diversas
diversas homenagens de organizações não-governamentais e ainda é frequentemente lembrada como
uma das maiores apoiadoras da causa.

“Não existe uma agenda gay; é uma agenda humana. Por que os gays não
deveriam ser capazes de viver tão abertos e livremente como todos os outros?
Em última análise, o que importa é o amor. Como pode algo ruim sair do amor?
As coisas ruins vêm da desconfiança, da incompreensão e, Deus sabe, do ódio
e da ignorância.
"Vida longa ao amor!"

CONECT-SE COM MONTBLANC

Crie uma conta

Salve seus dados para facilitar suas compras,
gerencie seus pedidos e sua Lista de Desejos.

CRIE UMA CONTA EM 2 MINUTOSOu acesse sua conta

MANTENHA-SE ATUALIZADO

Receba todas as últimas novidades, eventos
e encontros.

ao inscrever-se você aceita a nossa Política de Privacidade